Jornal de Angola lembra o nadador olímpico pelo país - Plataforma Media

Jornal de Angola lembra o nadador olímpico pelo país

Morreu ontem, em Cascais, Portugal, Pedro Lima, ex-nadador que representou Angola nos Jogos Olímpicos de Seul, em 1988, e de Barcelona, em 1992. Nascido em Luanda, há 49 anos, o também actor foi encontrado sem vida por volta das 10h00 de ontem, na praia do Abano, segundo fonte da Autoridade Marítima.

Pedro Lima perdeu a vida na data em que se celebra o Dia Internacional do Surf, aquela que era uma das suas maiores paixões. A sua última publicação nas redes sociais, feita há dois dias, destaca esse mesmo gosto pelo mar.

“O Surf de competição está de regresso já no próximo fim?de?semana na praia do Cabedelo, na Figueira da Foz. Os melhores surfistas nacionais vão voltar a dar espectáculo numa das melhores ondas de Portugal”, anunciou o actor. E as últimas palavras aos seguidores foram dedicadas à retoma da normalidade e à necessidade de nos ‘agarrarmos’ à vida.

“A pouco e pouco, o mundo vai acordando, a nossa vida vai voltando. Voltámos à vida juntos. O mundo precisa de nós todos agora. Com força, com amor, com paciência e sentindo de que há sempre alguém para nos apoiar nos desafios”, rematou.

Carta deixada

A família comunicou a ausência de Pedro Lima às autoridades na sequência de uma carta deixada pelo artista que gerou alarme. O corpo foi encontrado junto ao mar horas mais tarde, pelas 10h20. A notícia avançada pela TVI adiantou que o artista “morreu de forma inesperada” e as “causas permanecem desconhecidas”.

Leia mais em Jornal de Angola

Related posts
AngolaPolítica

José Eduardo dos Santos regressa hoje a Luanda após dois anos de ausência

AngolaSociedade

Governo angolano alivia restrições e reabre restauração em Luanda ao fim de semana

AngolaSociedade

TAP reforça ligações a Luanda com terceiro voo a partir de sábado

AngolaPolítica

Macro-drenagem e lixo entre as prioridades da nova governadora de Luanda

Assine nossa Newsletter