Dijsselbloem: "Não vejo em Centeno um segundo Varoufakis" - Plataforma Media

Dijsselbloem: “Não vejo em Centeno um segundo Varoufakis”

Numa conversa por videoconferência, o ex-ministro das Finanças dos Países Baixos, antecessor do português Mário Centeno na presidência do Eurogrupo, falou ao DN sobre a saída deste e sobre a resposta europeia à crise provocada pela pandemia. Jeroen Dijsselbloem aborda ainda as divisões entre os 27 sobre a melhor solução para a União Europeia.

Jeroen Dijsselbloem liderou o Eurogrupo durante cinco anos, durante um período de uma outra crise. As comparações que fez, a certa altura, sobre os países do sul foram particularmente controversas. Hoje, dirige o Dutch Safety Board, o Conselho de Segurança dos Países Baixos, que tem entre mãos as investigações à abordagem do país à pandemia.

Nesta conversa, gravada por videoconferência entre Bruxelas e Amesterdão, falámos sobre plano da Comissão Europeia para a recuperação da economia, sobre Mário Centeno, agora que está de saída do Ministério das Finanças e do Eurogrupo, sobre o plano de recuperação para a Europa e ainda sobre as discussões que levaram o primeiro-ministro português a criticar o tom do discurso do atual titular da pasta de Dijsselbloem, que já assumiu no Ministério das Finanças em Haia.

Leia mais em Diário de Notícias.

Related posts
EconomiaPortugal

BdP vê inflação recorde de 7,8% este ano e travagem a fundo da economia em 2023

EconomiaPortugal

Banco de Portugal corta previsão de crescimento económico

EconomiaPortugal

Aumentos salariais vão ser mais fracos na sequência da pandemia

EconomiaPortugal

Atividade económica em Portugal com queda "mais acentuada" no final de fevereiro

Assine nossa Newsletter