Com receio, jogadores ingleses recusam treinar - Plataforma Media

Com receio, jogadores ingleses recusam treinar

Kanté foi dispensado pelo Chelsea por temer ser infetado e ter um passado familiar suspeito.

Troy Deeney não voltou por ter um bebé com problemas respiratórios e Danny Rose vê os jogadores estarem a ser tratados como ratos de laboratório.
O medo do contágio por coronavírus está a marcar o regresso aos treinos das equipas inglesas, numa altura em que apesar de ainda não existir uma data confirmada para o regresso do campeonato, é apontado o dia 12 de junho para o retomar da competição. Mas na Premier League existe uma espécie de rebelião de alguns jogadores, que pelos mais diversos motivos estão a rejeitar treinar-se em grupo.

O Chelsea confirmou esta quinta-feira de forma oficial que N”Golo Kanté foi dispensado dos treinos do clube londrino, depois de assumir estar com receio da evolução da pandemia no Reino Unido. Mas não é um caso isolado no país. Também Troy Deeney, capitão do Watford, pediu dispensa dos treinos nesta semana.

Leia mais em Diário de Notícias

Este artigo está disponível em: English

Related posts
MundoSociedade

OMS desaconselha tratamento com plasma para pacientes com Covid

MundoSociedade

Primeiros sinais de gravidade da ómicron são "encorajadores"

MacauTransportes

Recuperação de passageiros no aeroporto de Macau só em 2024

MundoSociedade

Mundo com cada vez mais medidas contra a Ómicron

Assine nossa Newsletter