ANGOLA PREPARA ALTERNATIVAS A RECEITAS DO PETRÓLEO - Plataforma Media

ANGOLA PREPARA ALTERNATIVAS A RECEITAS DO PETRÓLEO

 

Luanda enfrenta baixa do preço do crude dificuldades no acesso a divisas

 

O Comité de Política Monetária do Banco Nacional de Angola (BNA) manteve esta semana inalterada a taxa básica de juro, em 9%, pelo terceiro mês consecutivo, anunciando uma reunião extraordinária devido à situação macroeconómica do país.

A informação foi transmitida numa altura em que o Governo angolano prepara alternativas à quebra de receitas do petróleo e com dificuldades no acesso a divisas, inclusive para pagamentos de empresas a fornecedores internacionais.

“O Comité de Política Monetária reunirá, extraordinariamente, para avaliar o curso da política monetária, após revisão, pelo Executivo, dos instrumentos de gestão macroeconómica”, lê-se no comunicado, que não adianta datas.

O Governo angolano prevê concluir até fevereiro a revisão do Orçamento Geral do Estado para 2015, reduzindo de 81 para 40 dólares a previsão da venda do barril de petróleo para exportação, o que representará um corte de 13,2 mil milhões de euros nas receitas fiscais deste ano.

Na reunião mensal do comité realizada em Luanda – a primeira com José Pedro de Morais Júnior como Governador do BNA -, o banco central decidiu manter inalterada a principal taxa de juro, fixada desde outubro em 9% ao ano. Também ficaram inalteradas as taxas de juro de Cedência de Liquidez (9,75% ao ano) e de Absorção de Liquidez (1,75%).

A inflação em Angola atingiu em dezembro passado os 0,73%, uma subida de 0,02% face ao mesmo mês de 2013. A inflação dos últimos doze meses situou-se em 7,48%, segundo o comité.

“No mesmo período, dentre as demais províncias, objeto de recolha oficial do nível geral de preços, por parte do Instituto Nacional de Estatística, a província de Cabinda foi a que registou a taxa de inflação mais baixa, isto é, de 0,10%”, sublinha ainda a informação do banco central.

Na análise à evolução mensal da política monetária e atividade económica em dezembro, o BNA identificou que a taxa ‘LUIBOR Overnight’ se situou em 5,39% ao ano, enquanto nas maturidades de três e doze meses se fixou, respetivamente, em 8,22% e 9,95%.

 

Este artigo está disponível em: 繁體中文

Assine nossa Newsletter